As 7 feridas emocionais

Todos nós vimos ao mundo com feridas que temos de aprender a aceitar. Lise Bourbeau

Nalgum momento da nossa vida adquirimos feridas emocionais. São memórias dolorosas que, muitas vezes, surgem na infância e acompanham toda a nossa vida. Com o tempo, essas memórias alojam-se no corpo físico, emocional e mental e podem desenvolver doenças, traumas, bloqueios e um grande mal-estar. Assim, devemos procurar ajuda especializada pois o primeiro passo para a cura integral é descobrir a sua sua origem. Segundo Lise Bourbeau, somente enfrentando as feridas emocionais que possuímos é que podemos curá-las. Reconhecer a sua existência é essencial para não as alimentarmos mais e rumarmos à cura interna.  Aqui ficam alguns cristais que,dadas as suas características energéticas, poderão auxiliar em todo o processo.

1 – Raiva – A howlite branca serena os nossos sentimentos e acalma a mente hiperativa. A sua vibração prepara-nos para receber informações importantes para o desenvolvimento espiritual.  Ensina-nos a ter paciência e é extremamente útil para pessoas com emoções descontroladas e enraivecidas. Absorve a negatividade, principalmente, a cólera e agressividade.

2 – Medo – Pedra para o autoconhecimento por excelência, a pedra crisântemo ajuda-nos a encontrar o propósito da Alma. As suas inclusões brancas representam a luz do espírito e as negras simbolizam o elemento terra. Isso significa que a sua energia enraíza a luz interna no corpo físico, auxiliando a aceitar o nosso processo de encarnação e a ultrapassar medos e fobias. Transmite a força necessária para manifestarmos os nossos sonhos e/ou dons. Ajuda a centrar, a estar mais focado no momento presente.

3 – Rejeição – Associada a Vénus, o quartzo rosa torna uma pessoa mais recetiva à beleza, às artes e estimula a imaginação. É uma pedra muito importante para o chacra do coração. Auxilia-nos a acabar com os traumas que pesam na nossa alma e a compreender os problemas. Ensina o poder do perdão e reprograma o coração a amar-se. Somente após aprender a dar amor em 1º lugar a si próprio, é possível amar verdadeiramente os outros.

4 – Culpa –  A crisocola dissipa todos os tipos de energia negativa e ajuda a aceitar serenamente situações de mudança. Usada no plexo solar alivia a sensação de culpa e remorso. É uma grande equilibradora emocional e alivia a tristeza quando colocada no chacra cardíaco. Proporciona paz à mente e ao coração. Ajuda a reconhecer o verdadeiro sentido da compaixão.

5 – Preocupação – A vibração da azurite  limpa o corpo emocional e mental e reforça a concentração e memória. Dissipa estados de preocupação constante e aflitiva.  A sua energia tranquiliza e proporciona uma meditação mais profunda e intuitiva.Traz a energia da compaixão e empatia e desenvolve o nosso lado criativo. Quando colocada no chacra da garganta, a azurite permite a verbalização de pensamentos e sentimentos que, por vezes, temos mais dificuldade em comunicar.

6 – Perda – O quartzo azul possui uma energia muito suave e calmante. Desintoxica e atenua a depressão causada pela perda ou separação. Auxilia a perdoar e a aceitar mudanças bruscas.É uma pedra que dá o dom da diplomacia e está associada à energia da Virgem Maria.Traz beleza, criatividade e sensibilidade intuitiva a quem a usa com regularidade.

7- Baixa autoestima –  O olho de tigre simboliza a força pessoal e a integridade. Na meditação, a energia do olho de tigre ordena os pensamentos e desejos aumentando a confiança e autoestima. Deve ser usado por pessoas que são incapazes ou que têm dificuldade de manifestar o seu desejo através da ação. É um cristal altamente protetor, em especial, contra a inveja. É um cristal que ancora a energia da prosperidade e sucesso.

Referências bibliográficas:

JENKINS, Dr. Latrina W. A Pathway to Divine Healings. 

BOURBEAU,Lise. As cinco feridas que impedem a felicidade. Pergaminho.