Quartzo rosa, a pedra do amor

Dentro da família dos quartzos, o quartzo rosa destaca-se de forma especial, quer pela sua beleza quer pelas suas propriedades curativas. Os seus tons delicados vão desde o rosa pálido ao rosa intenso. Possui uma frequência muito suave que irradia delicadeza, serenidade e propicia o amor e a solidariedade. É ligeiramente sensível, podendo perder alguma da sua cor se for deixado muito tempo exposto ao Sol e ao sal. O quartzo rosa foi muito valioso no mundo clássico devido às suas qualidades decorativas e propriedades terapêuticas. A melhor variedade do quartzo rosa é a  mais transparente.

Os gregos e os romanos acreditavam que os deuses do amor tinham trazido o quartzo rosa para a Terra de modo a oferecer aos mortais mais amor e capacidade de reconciliação. Para os antigos egípcios, o quartzo rosa era a pedra do amor e da beleza. Por isso, utilizavam este mineral já pulverizado para fazer máscaras que serviam para suavizar a pele do rosto.

O quartzo rosa está intimamente relacionado, como nenhum outro cristal, ao amor. Conta uma lenda indiana que esta pedra provém de uma flor que um namorado ofereceu à sua amada. Quando a relação acabou em tragédia, devido à intromissão dos pais, a rosa transformou-se em pedra. Associada a Vénus, a sua vibração torna uma pessoa mais recetiva à beleza, às artes e estimula a imaginação. É uma pedra muito importante para o chacra do coração. Auxilia-nos a acabar com os traumas que pesam na nossa alma e a compreender os problemas. Ensina o poder do perdão e reprograma o coração a amar-se. Somente após aprender a dar amor em 1º lugar a si próprio, é possível amar verdadeiramente os outros.

Como desenvolve uma profunda cura interior, o uso deste cristal pode acarretar, eventualmente, uma catarse emocional com lembranças do passado, muitas vezes de natureza subconsciente. Restitui a confiança e fortalece o sistema circulatório. Colocada no timo, alivia problemas peitorais e pulmonares. Aumenta a fertilidade e remove bloqueios emocionais traumáticos. Com uma influência benéfica nos rins e na circulação, o quartzo rosa é excelente para as doenças do sangue e para a manutenção de uma pele saudável e jovem.

Os pendentes são perfeitos para se usar porque ficam em contato com o peito e estimula muitos pontos do chacra do coração. Dentro de casa, o quartzo rosa é benéfico para aqueles que sofrem da depressão. Também auxilia na procura de um (a) companheiro(a). Na forma de elixir, desintoxica-nos das emoções negativas.

PALAVRAS-CHAVE: AMOR, ACEITAÇÃO, PERDÃO