Cristais para o solstício de inverno

“Na época da semente, aprenda, na colheita, ensine, no inverno, aproveite.”  William Blake

Os povos antigos consideravam os solstícios dias mágicos e de grande poder energético. O solstício de inverno ocorre a 21 de dezembro no hemisfério norte. Na tradição Wicca chamam a este momento de Yule. É o dia mais curto do ano e a noite mais longa, em termos de iluminação por parte do Sol. Simboliza a morte da Luz para dar continuidade ao ciclo da vida. Neste dia tão especial  invocamos o poder da natureza para que traga de novo a Luz para iluminar a escuridão da Terra (inverno). Este é um período de  recolhimento, avaliação e fortalecimento interior. Tal como a natureza se encontra adormecida no inverno, a nossa alma necessita de isolamento para avaliar o seu propósito e se renovar. Entrar dentro de nós e compreender as lições que a vida nos traz são processos essenciais para desenvolver a nossa espiritualidade. Após a introspeção e quietude estaremos preparados para a renovação que a primavera traz.

Para o solstício de inverno recomendo realizar uma meditação com o ónix negro e uma granada, colocando o ónix negro na mão esquerda e a granada na mão esquerda. Ambos têm uma frequência que ressoa com a energia da Terra: o ónix negro auxilia a mente a acalmar e a refletir interiormente; a granada é uma pedra de fogo que traz vitalidade para abrir espaço para o novo, fortalecendo a nossa alma.

Após a meditação no dia do solstício, pode andar com estes dois cristais durante uns dias.